Ao lado de Evo Morales, Chávez chega a Cuba para quimioterapia

Carlos Garcia Rawlins /Reuters – 17.set.2011

Ao lado do boliviano Evo Morales, Hugo Chávez chega a Cuba para quimioterapia

O presidente venezuelano, Hugo Chávez, chegou a Cuba neste domingo acompanhado de seu colega boliviano, Evo Morales, para a quarta sessão de quimioterapia em seu tratamento contra o câncer, informa um comunicado oficial divulgado neste domingo.

Chávez e Morales, que desembarcaram na ilha na noite de sábado (17), foram recebidos no aeroporto de Havana pelo ditador Raúl Castro, informa a nota oficial.

O presidente venezuelano, que em 20 de junho foi operado em Cuba de um câncer na zona pélvica, “volta a Cuba para iniciar a quarta sessão de quimioterapia, enquanto Morales o faz para cumprir uma visita oficial”, completa o texto.

Em uma fotografia publicada no periódico “Juventud Rebelde” –de circulação nacional aos domingos– Chávez, de 57 anos, aparece vestido em traje militar, com boina e camisa vermelhas, ao lado de Morales, com um casaco cinza, no momento em que é recebido por Raúl Castro.

Morales iniciou uma visita oficial de dois dias durante a qual se reunirá com o presidente Raúl Castro e receberá o título de doutor honoris causa em Ciências Políticas da Universidade de Havana, na qual realizará uma conferência.

LUTA CONTRA O CÂNCER

Chávez se submeteu em julho e agosto na ilha aos dois primeiros ciclos de quimioterapia, terminou o terceiro no início deste mês em seu país e anunciou no sábado, ao receber Morales em Caracas, que o quarto “provavelmente” será “o último” em seu tratamento contra o câncer.

“Amanhã [hoje] começarei o quarto ciclo de quimioterapia. O mais provável é que seja o último e adeus ameaça de câncer”, disse Chávez, sem explicar a decisão de receber a quarta fase do tratamento em Havana.

Pouco antes de viajar a Cuba, o presidente venezuelano revelou que o líder cubano Fidel Castro, a quem considera um pai político e que seguiu a evolução de seu tratamento, “decidiu não escrever mais por um tempo” e “está dedicado à pesquisa científica”.

Desmentindo rumores sobre um deterioramento da saúde de Castro, afastado do poder desde julho de 2006 por uma crise de saúde, Chávez comentou que o líder comunista se interessa especialmente pela pesquisa sobre agricultura e os alimentos.

Desde 1999 no poder, Chávez, que tentará ser reeleito nas eleições presidenciais de 2012, diz seguir uma estrita rotina de medicamentos, alimentação e exercícios. Durante o segundo ciclo do tratamento, em Havana, festejou com Castro os 85 anos do líder cubano, completados no dia 13 de agosto.

DA FRANCE PRESSE, EM HAVANA

Sobre o editor

Willames Costa
Wíllames Costa
Editor

Instagram

Parceiros do blog