Após declaração de Leão, Inter faz mistério sobre Dagoberto

No mesmo dia em que o técnico Emerson Leão revelou publicamente que o atacante Dagoberto, do São Paulo, já tem um pré-contrato com o Internacional, foi a vez do presidente do clube colorado, Giovanni Luigi, comentar o caso. O cartola inicialmente despistou, mas em seguida revelou interesse no jogador.

“Ele [Dagoberto] tem contrato em vigor com o Paulo e eu não vou fazer um comentário sobre o que disse o treinador do São Paulo. É um jogador que nos interessa. Estamos tratando desse assunto e poderemos ter novidades nas próximas semanas ou nos próximos dias”, disse Luigi à Rádio Gaúcha, neste domingo.

“Dagoberto é um jogador interessantíssimo, como todos os jogadores que o Internacional tem interesse. No entanto, no momento, ele tem um contrato em vigor e isso está sendo respeitado”, completou Luigi.

Almeida Rocha-21.set.11/Folhapress
Dagoberto durante o empate com o Corinthians, no Morumbi
Dagoberto durante o empate com o Corinthians, no Morumbi

Dagoberto tem contrato com o São Paulo até abril de 2012. Pela lei, ele já pode assinar um pré-contrato com outra equipe e ir embora sem dar retorno financeiro ao São Paulo em abril. Leão disse em entrevista à Band que o jogador já acertou com o Inter, mas vai terminar sua passagem no time paulista de forma digna.

“Temos alguns problemas já definidos [no São Paulo], como o caso do Dagoberto, que assinou um pré-contrato com o Internacional. Não sei quando vai terminar a passagem dele por aqui, mas que ela termine com muita dignidade. Ele não fez nada de errado, a lei permite. Minha preocupação é dentro do campo”, disse Leão.

O presidente do Inter, contudo, deixou em aberto a possibilidade de fazer um acordo para o atacante defender o clube antes de abril de 2012.

“Contratos foram feitos para serem cumpridos e a não ser que ambas as partes entrem em acordo, ele poderia estar liberado para algum clube antes desse período de abril. E o Internacional é um dos clubes que está muito interessado nele”, finalizou Luigi.

Em setembro, o presidente do Corinthians, Andres Sanchez, já havia polemizado ao dizer que o atacante defenderia o Santos em 2012. Em seguida, Dagoberto respondeu edesmentiu.

Com a Folha.com

Sobre o editor

Willames Costa
Wíllames Costa
Editor

Instagram

Parceiros do blog