Barrado por Tite, Chicão pede e fica fora do banco no clássico

Depois de ser barrado da equipe titular pelo técnico Tite, o zagueiro Chicão pediu para ficar fora do banco de reservas no duelo contra o São Paulo, nesta quarta-feira, às 21h50, no Morumbi, pela 25ª rodada do Campeonato Brasileiro.

De acordo com o site oficial da equipe do Parque São Jorge, Chicão “pediu para ser cortado da partida para que pudesse treinar e, assim, recuperar a melhor condição”.

Jorge Araújo-19.set.11/Folhapress
O zagueiro Chicão participa de treino no CT do Corinthians, na última segunda-feira
O zagueiro Chicão participa de treino no CT do Corinthians, na última segunda-feira

Na terça-feira, no último treino antes do clássico, o técnico Tite surpreendeu ao sacar o zagueiro do time titular. Ele preferiu escalar Wallace ao lado de Paulo André. Outra mudança feita pelo treinador foi improvisar o zagueiro Leandro Castan na lateral esquerda no lugar de Ramon.

“Não tem [cunho pessoal o afastamento de Chicão]. Ele foi afastado por motivo técnico e o novo capitão será definido amanhã [hoje]”, disse Tite durante entrevista na última terça-feira.

“Fiz com ele [Chicão] aquilo que respeito e faço com todos os atletas. Chamei na minha sala e falei ‘essa é minha decisão’ e que vou começar com Wallace e Paulo André na zaga e o
Castan [Leandro Castan] na esquerda”, acrescentou.

O Corinthians ocupa a terceira colocação no Campeonato Brasileiro, com 43 pontos -um a menos do que o São Paulo, vice-líder.

Com 45 pontos, o Vasco ocupa a liderança da competição.

Com a Folha.com


Sobre o editor

Willames Costa
Wíllames Costa
Editor

Instagram

Parceiros do blog