Bloco de largada do Pan deve poupar dedos de Cielo

Cesar Cielo durante treino em Guadalajara (Satiro Sodré-12.out.2011/Divulgação)

Os dedos de Cesar Cielo devem passar ilesos pelo Pan de Guadalajara. Após esfolar as mãos no bloco de partida usado no Troféu José Finkel, em Belo Horizonte (MG), em agosto, o brasileiro usará um bloco genérico diferente no México.

A peça usada no complexo aquático de Guadalajara é da marca Paragon. Ele imita o bloco usado pela federação internacional em eventos mundiais, que é da Omega e só pode ser usado com um sistema de cronometragem da mesma fabricante.

No José Finkel, os brasileiros usaram um bloco que tinha uma abertura entre a base e a superfície em que o atleta apoia os pés. Todas as vezes que largava, Cielo raspava os dedos no buraco desta estrutura de alumínio, cortando os dedos.

Segundo o técnico Alberto Pinto, os brasileiros gostaram do bloco que será usado em Guadalajara e da nova piscina. Reclamaram apenas da piscina de soltura, onde os atletas dão algumas braçadas para soltar os músculos após as provas, que estava fria.

As arquibancadas do complexo também não estavam prontas a poucos dias do início do evento. O primeiro treino do Brasil, nesta quarta, foi feito ao som de furadeiras e marteladas. A competição começa no sábado.

Com a Folha.com

Sobre o editor

Willames Costa
Wíllames Costa
Editor

Instagram

Parceiros do blog