Bovespa acentua perdas com temor global sobre Itália

O drama italiano dá o tom dos negócios nas Bolsas europeias e americanas, sem excluir a Bovespa (Bolsa de Valores de São Paulo), que nos últimos pregões até havia conseguido “descolar” dos demais mercados.

Não é o caso de hoje. O índice Ibovespa, o termômetro por excelência da Bolsa brasileira, retrocede 2,16%, para os 57.752 pontos. O giro financeiro é de R$ 2,28 bilhões.

O dólar comercial é negociado por R$ 1,755, em um avanço de 0,86%.

Títulos italianos atingem rendimento recorde mesmo com renúncia

As principais Bolsas europeias registram quedas entre 2% (Londres) e 3% (Frankfurt).

Nos EUA, a Bolsa de Nova York sofre perdas de 2,58%.

O humor dos investidores azedou com os resultados do primeiro leilão de títulos públicos italianos após a notícia de que o primeiro-ministro Silvio Berlusconi tão logo o parlamento local aprove as reformas necessárias para melhorar a saúde financeira do país.

Os habituais compradores de títulos públicos exigiram juros historicamente altos para aceitar os papéis italianos, a demonstração mais explícita do grau de desconfiança dos mercados sobre a capacidade financeira dessa economia, uma das maiores do planeta, em manter sua solvência financeira.

Analistas ressaltaram que os títulos de prazo mais curto (cinco anos), os tomadores de títulos cobraram juros similares aos de países como Grécia e Portugal, de notória fragilidade financeira.

O noticiário do dia não ajuda a amenizar o clima de tensão nos mercados, sem indicadores econômicos de maior influência no front doméstico e externo.

O discurso do presidente do banco central dos EUA, Ben Bernanke, não trouxe maiores destaques: o titular da política monetária americana declarou que os pequenos e médios negócios ainda encontram muitas dificuldades em obter empréstimos no sistema financeiro mesmo após o final da recessão, e instou que os bancos alterem suas políticas de avaliação de crédito.

Com a Folha.com

Sobre o editor

Willames Costa
Wíllames Costa
Editor

Instagram

Parceiros do blog