Brasil desautoriza seu representante no FMI e apoia plano para a Grécia

Brasília, 1 ago (EFE).- O ministro da Fazenda, Guido Mantega, desautorizou nesta quinta-feira o representante do país no FMI, Paulo Nogueira, que se absteve na votação de um novo pacote de ajuda para a Grécia, e declarou seu apoio ao plano de resgate para essa nação.

Fontes oficiais citadas pela Agência Brasil disseram que o ministro telefonou para a diretora-gerente do Fundo Monetário Internacional (FMI), Christine Lagarde, para esclarecer a posição do governo e expressar seu apoio ao novo pacote de US$ 2,29 bilhões aprovado para a Grécia.

O ministro da Fazenda, Guido Mantega. EFE/Arquivo

O ministro da Fazenda, Guido Mantega. EFE/Arquivo

Da EFE

Sobre o editor

Willames Costa
Wíllames Costa
Editor

Instagram

Parceiros do blog