Delegado é preso em operação contra corrupção no Rio

Um delegado da Polícia Civil foi preso na manhã desta terça-feira durante operação realizada pela Draco (Delegacia de Repressão ao Crime Organizado), no Rio de Janeiro. Segundo a Secretaria de Segurança Pública, o objetivo da ação é desarticular um esquema de corrupção de policiais em carceragens da Polinter (Polícia Interestadual) em Teresópolis, Friburgo, São Gonçalo e Baixada Fluminense.

Além do delegado, identificado como Renato Soares Vieira, coordenador do Núcleo de Controle de Presos da Polinter, outras nove pessoas já foram detidas. A Polícia Civil informou que por enquanto não vai se pronunciar sobre a prisão do policial.

Os policiais da Draco, com apoio da CGU (Corregedoria Geral Unificada das Polícias), tentam cumprir 32 mandados, sendo 16 de prisão e 16 de busca e apreensão. A polícia afirma que entre os suspeitos há nove policiais.

De acordo com a investigação, o grupo seria responsável por cobrança de propina no valor de R$ 2.000 por 15 dias para liberar visitas, manter presos em determinadas celas ou facilitar transferências. O esquema funcionava principalmente na carceragem da Polinter, em Nova Friburgo, na região serrana do Rio.

Com a Folha.com

Sobre o editor

Willames Costa
Wíllames Costa
Editor

Instagram

Parceiros do blog