Empresário Abilio Diniz silencia sobre Casino

Conhecido pelo temperamento agressivo, o presidente do conselho de administração do GPA (Grupo Pão de Açúcar), Abilio Diniz, afirmou, nesta terça-feira, durante uma palestra promovida pela HSM, em São Paulo, que aprendeu a ter mais serenidade.

Em resposta a uma das perguntas do público sobre seu comportamento, Diniz disse que mudou sua atitude. “Antes, eu ia ‘pro pau’ (sic)”, afirmou.

“Hoje, sou o mesmo de antes sem os defeitos do passado.”

Ainda assim, Diniz afirmou que, apesar de hoje adotar uma postura “paz e amor”, não abandonou totalmente a agressividade.

À saída da palestra, o empresário preferiu silenciar sobre uma eventual retomada do plano de fusão com o Carrefour, rechaçado pelo atual sócio do grupo, o francês Casino.

“Não falo mais sobre isso para não dar margem a problemas”, disse.

Diniz não fez previsões sobre a economia, limitando-se a dizer que as vendas do GPA serão boas no final deste ano. “Estou com uma expectativa otimista.”

GURUS

Segundo ele, um dos motivos de sua alegada mudança de postura é o interesse pelo professor de marketing indiano Raj Sisodia. O indiano é conhecido pela metodologia “paz e amor”.

“Adotei o preceito de não somente ir em busca de uma fatia da renda dos consumidores, mas também de uma fatia de seus corações”, disse.

“É claro que é importante obter lucro, do contrário, os investidores não te dão bola. Mas o que queremos é ser uma empresa que dá orgulho a seus acionistas”, acrescentou.

Com a Folha.com

Sobre o editor

Willames Costa
Wíllames Costa
Editor

Instagram

Parceiros do blog