Estudantes da UEMA conhecem Mercado do Produtor de Juazeiro

Alunos do curso de Agronomia da Universidade Estadual do Maranhão (UEMA), campus – São Luis, visitaram na tarde desta terça-feira (27) as dependências do Mercado do Produto de Juazeiro, com o objetivo de vivenciar na prática os trabalhos realizados no entreposto.

Formas de comercialização, métodos de estocagem e transporte de mercadorias foram algumas das atividades observadas pelos estudantes na ocasião. “Há mais de 30 anos visitamos o Vale do São Francisco e sempre fazemos questão de comparecer ao Mercado do Produtor, por entender que o entreposto é um centro de comercialização que atende todo o Brasil, inclusive o Maranhão, e principalmente a cidade de São Luis”, destacou o professor Francisco Nóbrega de Santos.

Os estudantes visitaram as locações do Mercado e em seguida ouviram relatos sobre os trabalhos desenvolvidos no entreposto. “Pudemos vivenciar a realidade do que aprendemos na sala de aula. É preciso saber o perfil de cada comprador, se adequar a realidade da região, e diferenciar os produtos que serão consumidos aqui, dos exportados, para adequá-los a temperatura e embalagem correta”, analisou o estudante Raimundo Batalha.

O grupo formado por 36 alunos, cinco professores e hum técnico da Embrapa, chegou à região no domingo e desde então já estiveram na Embrapa Semiárido, conhecendo toda a dinâmica realizada por seus profissionais, “bem como o sistema de irrigação voltado para agricultura familiar”, e no Projeto Nilo Coelho, como ressalta a professora do curso, Maria Rosangela Silva. “É muito interessante analisarmos o que é consumido no Maranhão que parte de demandas trazidas de Juazeiro, isso pode se transformar num trabalho de monografia ou em outra atividade realizada pelos alunos”, observou Rosangela.

Outro objetivo da visita é proporcionar aos estudantes uma aproximação com a dinâmica da Embrapa, já que a empresa pública de pesquisa possui um sistema de estágio que pode contemplar os estudantes do curso. “Esse contato pode possibilitar oportunidade para que os estudantes aprendam na prática o que foi vivenciado no curso, ampliando seu conhecimento. Seria uma grande oportunidade para eles, passar seis meses aprendendo com profissionais da instituição”, destacou a docente.

O secretário de Agricultura, Desenvolvimento Rural e Meio Ambiente, Agnaldo Meira, declarou que o Mercado do Produtor sempre estará de portas abertas para a população. “É muito gratificante receber visitas ilustres no entreposto, como é o caso desses estudantes que estão conhecendo a realidade dos trabalhos realizados aqui. É um momento oportuno para vivenciar a produção, comercialização, qualificação dos produtos e uma relação saudável com o meio ambiente. Acredito que proporcionar aos estudantes uma integração com o setor produtivo e principalmente informar sobre a importância do não desperdício adotado pelo Mercado é algo que acrescenta e muito o nosso trabalho”, destacou Agnaldo.

Com Ascom/SEADRUMA/PMJ

Sobre o editor

Willames Costa
Wíllames Costa
Editor

Instagram

Parceiros do blog