Gerentes de banco roubado poderão ser processados em PE

Responsáveis por agências bancárias de Pernambuco que forem alvo de assaltos com feridos ou mortos poderão responder criminalmente caso esses locais não tenham os equipamentos de segurança previstos em lei.

O Ministério Público Estadual entende que, nesses casos, o banco colabora para que o crime aconteça e, por isso, o responsável pela agência também deve ser punido.

Até meados de março, a polícia de Pernambuco registrou 12 assaltos a bancos. Em 2011, foram 18 ao todo.

“Se o gerente se recusa a instalar alarmes, câmeras, portas giratórias e detector de metais, está colaborando para a atividade criminosa”, diz promotor Ricardo Coelho.
Quinze agências de Recife já foram multadas pelo Procon-PE por falta de equipamentos de segurança. Elas podem até ser interditadas.

O sindicato dos bancários considera a multa um avanço, mas faz ressalvas à responsabilização dos gerentes. “O gerente não tem autonomia para garantir o item de segurança. Todas essas medidas têm que ser cobradas do banco enquanto instituição”, afirma a presidente da entidade, Jaqueline Mello.

A Febraban (Federação Brasileira de Bancos) critica as leis municipais de Recife que, agora, tem de ser seguidas para que o gerente não seja incriminado. A lei pede blindagem interna das agências, inclusive as portas giratórias, e um papel de parede com com fragmentos de metal para bloquear sinal de celular.

Para a entidade dos banqueiros, o Estado quer tirar de si uma obrigação.

Fonte: Da Folha.com

Sobre o editor

Willames Costa
Wíllames Costa
Editor

Instagram

Parceiros do blog