Governadores se reúnem para tratar de regulamentação da saúde

Governadores se reúnem em almoço nesta quarta-feira (21) na casa do presidente da Câmara, Marco Maia (PT-RS), em Brasília, para discutir alternativas de financiamento para a saúde.

O encontro acontece no mesmo dia em que os deputados devem votar o projeto que regulamenta a emenda 29 –que define quais ações governamentais podem ser contabilizadas como saúde.

Até agora, Jaques Wagner (BA), Agnelo Queiroz (DF), Renato Casagrande (ES), Silval da Cunha Barbosa (MT), Simão Jatene (PA), Rosalba Ciarlini (RN), José de Anchieta Junior (RR), Siqueira Campos (TO), além de representantes do RS, SC, MG e TO já estão presentes. No total, 15 governadores são esperados.

A ministra Ideli Salvatti (Relações Institucionais) e líderes partidários também participam do almoço.

A ideia é debater fontes alternativas para a saúde, já que o governo argumenta que a simples aprovação da regulamentação da emenda não resolve o problema. O texto a ser aprovado pela Câmara nesta quarta-feira deve acabar com a possibilidade de criação de um novo imposto neste momento.

A ideia é aprovar destaque do DEM, que acaba com a base de cálculo da chamada CSS (Contribuição Social para a Saúde). A cobrança foi proposta pelo PT e teria alíquota de 0,1% sobre as movimentações financeiras.

Com a Folha.com

Sobre o editor

Willames Costa
Wíllames Costa
Editor

Instagram

Parceiros do blog