Justiça desbloqueia bens do ex-governador José Roberto Arruda

Sergio Lima – 13.jan.2010/Folhapress

Justiça desbloqueia bens de José Roberto Arruda, envolvido no mensalão do DEM

O TJ-DF (Tribunal de Justiça) do Distrito Federal mandou desbloquear os bens do ex-governador do Distrito Federal José Roberto Arruda (sem partido), apontado pela Polícia Federal como chefe do mensalão do DEM.

Arruda estava com bens bloqueados desde março, numa ação de improbidade contra ele e a deputada federal Jaqueline Roriz (PMN-DF), flagrada recebendo dinheiro do delator do mensalão, Durval Barbosa.

O vídeo foi feito em 2006, quando Arruda era candidato ao governo do DF. No recurso levado ao TJDF, Arruda argumentou que era deputado federal à época e, portanto, não tinha influência na Codeplan (Companhia de Desenvolvimento do DF), que foi presidida por Barbosa e apontada como o primeiro canal de desvio de dinheiro do esquema.

Na decisão tomada ontem, a 2ª Turma Cível do TJ-DF acatou os argumentos de Arruda. A decisão não vale para os outros citados no mesmo processo.

A deputada Jaqueline Roriz é investigada no STF (Supremo Tribunal Federal) por conta do caso, mas já foi absolvida pela Câmara dos Deputados.

Com a Folha.com

Sobre o editor

Willames Costa
Wíllames Costa
Editor

Instagram

Parceiros do blog