Justiça permite que PSL siga com processo contra deputados “bolsonaristas”

O PSL conseguiu derrubar uma decisão da Justiça que impedia o partido de dar continuidade ao processo de suspensão, no Conselho de Ética da sigla, contra 19 parlamentares, incluindo o líder da bancada na Câmara, Eduardo Bolsonaro (PSL-SP). Os processos podem resultar em simples advertência até a expulsão dos correligionários. Todos os nomes são de parlamentares ligados ao presidente Jair Bolsonaro (veja a lista).

Na decisão desta quarta-feira (30), a Justiça entendeu que – como os deputados foram devidamente notificados – não poderia impedir de forma indefinida o exercício do poder disciplinar do partido, “que é previsto legalmente”. Mas a liminar foi mantida em relação à possibilidade de aplicação de punição sem direito à defesa.

Fonte: Gazeta do Povo

Galeria

Sobre o editor

Willames Costa
Wíllames Costa
Editor

Some quick example text to build on the card title and make up the bulk of the card's content.

Tags

Instagram

Parceiros do blog