Leão dá bronca em jogadores e reclama de João Filipe

Há nove rodadas sem vencer no Brasileiro, o São Paulo iniciou os trabalhos visando a partida contra o Avaí, sábado, no Morumbi, com uma bronca geral.

Ricardo Nogueira/Folhapress
Leão oriente os jogadores durante treino do São Paulo
Leão orienta os jogadores durante treino do São Paulo

Antes do treino desta terça-feira, o técnico Emerson Leão passou 35 minutos conversando com o grupo.

Ou melhor, dando uma palestra para os jogadores, o que decepcionou o comandante.

“Falei e pedi que eles falassem. Infelizmente, falei mais do que ouvi. Não pode ficar dez jogos sem ganhar. Isso não existe”, esbravejou.

Um dos alvos da ira de Leão foi o zagueiro João Filipe, que, alegando cansaço, foi substituído no segundo tempo. Culpa, segundo o técnico, das subidas para o ataque que, contra sua vontade, o defensor costumar dar.

“Ele pediu para sair com 20 minutos do segundo tempo. Eu disse que ele não ia sair, ia ficar plantado lá atrás só rebatendo. A primeira bola que ele pegou, deu um pique de 50 metros. E pediu para sair.”

O técnico não adiantou se irá manter o zagueiro, que caiu nas graças da torcida desde que chegou, no time titular. Certo é que Xandão, defensor que cumpriu suspensão na última rodada, deve voltar à equipe.

Com a Folha.com

Sobre o editor

Willames Costa
Wíllames Costa
Editor

Instagram

Parceiros do blog