O Palmeiras já passou por inúmeras provas de fogo nesta temporada. Nenhuma delas como a deste domingo à tarde.

O São Paulo começou a rodada a só três pontos do líder e só um à frente do sexto colocado. O duelo em Goiânia contra o Atlético-GO pode deixá-lo muito vivo na luta pela taça ou fora do grupo da Libertadores pela segunda vez no campeonato.

“O que nos interessa é só a vitória. Pecamos em alguns jogos. Está aberto [o campeonato], e vamos parar de errar. Poderíamos estar mais na frente. Agora não dá mais. Temos de ir à caça do líder”, disse o técnico Adilson Batista.

Ele associou o jogo deste domingo à partida da quarta-feira contra o Libertad pela Copa Sul-Americana, competição que também dá vaga à Libertadores e que tem sido desprezada por alguns dos concorrentes ao Brasileiro.

“Vamos esperar o término do jogo [de hoje]. Aí analisamos se tem suspensão, desgaste do jogo, há o posicionamento diferente pelo adversário. A intenção são os dois campeonatos, mas vamos esperar o término do jogo.”

  Ricardo Nogueira – 20.set.2011/Folhapress  
Luis Fabiano se alonga com o meia-atacante Lucas em treino do São Paulo
Luis Fabiano se alonga com o meia-atacante Lucas, que estará de volta após amistosos da seleção

O volante Casemiro, por exemplo, praticamente já foi escalado contra o Libertad, até por ser provavelmente reserva hoje. “Temos um grupo bom e vamos precisar do Casemiro. Temos o Libertad, e muita gente com desgaste.”

O São Paulo não vence há cinco rodadas no Brasileiro.

A sequência de adversários mais difícil, com concorrentes diretos como Corinthians, Botafogo, Flamengo e Inter, já passou. Mas o time ainda espera por mais dificuldades.

“Na minha estreia [contra o mesmo Atlético-GO], fomos bem, tivemos possibilidade de vencer, e eles empataram no segundo tempo [2 a 2]. Eles têm bons jogadores e fizeram por merecer”, disse Adilson.

Um turno foi completado com ele no comando, e a avaliação do trabalho não é boa.

“Gostaria de estar com uma pontuação melhor. Mas não dá para ficar lamentando. Tenho falado com o Juvenal [Juvêncio, presidente]. É preciso saber dividir responsabilidades. Estamos trabalhando para melhorar.”

O treinador, que citou arrancadas em campeonatos recentes do Flamengo, do Fluminense e do próprio São Paulo, terá um time bem diferente em relação àquele que ficou no 0 a 0 com o Inter.

Piris volta à lateral direita após servir a seleção paraguaia, e Lucas reaparece no meio depois de servir a equipe do técnico Mano Menezes.

Xandão entra na zaga, pois João Filipe está suspenso.

Na lateral esquerda, como Juan também está fora por suspensão, Carlinhos Paraíba deverá ser improvisado.

Rivaldo tende a voltar para o banco de reservas, uma vez que não brilhou na quarta. E Luis Fabiano, tentando desencantar, vai sem a chuteira verde dos últimos jogos.

ATLÉTICO-GO
Márcio; Rafael Cruz, Leonardo, Gilson e Thiago Feltri; Pituca, Marino, Bida e Vítor Júnior; Felipe e Anselmo
T.: Hélio dos Anjos
SÃO PAULO
Rogério; Piris, Xandão, Rhodolfo e Carlinhos Paraíba; Denílson, Wellington, Lucas e Cícero; Dagoberto e Luis Fabiano
T.: Adilson Batista
Estádio: Serra Dourada, em Goiânia
Árbitro: Sandro Meira Ricci (DF)
Horário: 18h

NA TV
Atlético-GO x São Paulo
18h Sportv (menos para GO)

Com a Folha.com

Sobre o editor

Willames Costa
Wíllames Costa
Editor

Instagram

Parceiros do blog