Polícia detém sequestrador que mantinha criança refém na Austrália

A polícia australiana prendeu nesta terça-feira em Sydney, na Austrália, o homem que há 12 horas mantinha uma menina, aparentemente sua filha, refém sob a mira de uma bomba.

O sequestrador entrou em um edifício do complexo judicial acompanhado da menina e gritou que trazia uma bomba na mochila, segundo relataram testemunhas.

A polícia abriu passagem até o local onde se encontrava o suposto sequestrador enquanto uma equipe de agentes negociava sua rendição.

O suposto sequestrador chegou a um edifício do complexo acompanhado de uma menina, que pode ser sua filha, e entrou sem autorização em uma sala, após gritar que levava uma bomba na mochila, segundo o testemunho de Betty Hor, uma secretária que trabalha no edifício.

Paul Miller/Associated Press
Policiais detêm suspeito de manter criança refém por 12 horas em um prédio do complexo judicial de Sydney
Policiais detêm suspeito de manter criança refém por 12 horas em um prédio do complexo judicial de Sydney

“Diga a ele que levo uma bomba na mochila”, disse o desconhecido a Betty, após exigir que a secretária chamasse um homem que ela não conhecia e o promotor.

O homem, de cerca de 50 anos, apareceu na janela do edifício de uma firma de advogados por duas vezes, uma delas sem camisa, e cuspiu em uma peruca de advogado, segundo mostram as imagens do canal Channel Nine.

Várias patrulhas policiais mantêm a zona isolada e dezenas de pessoas foram retiradas de seus escritórios.

DA EFE, EM SYDNEY (AUSTRÁLIA)

Sobre o editor

Willames Costa
Wíllames Costa
Editor

Instagram

Parceiros do blog