Preço de passagens aéreas é o menor desde 2002, diz Anac

O preço das passagens aéreas vendidas no Brasil entre julho do ano passado e junho de 2011 foram os mais baixos da série histórica iniciada em 2002, quando comparados aos mesmos meses dos anos anteriores. As informações foram divulgadas nesta sexta-feira pela Anac (Agência Nacional de Aviação Civil).

Segundo o levantamento, em junho deste ano, o yield doméstico (valor médio pago por passageiro por quilômetro voado) atingiu cerca de R$ 0,34, redução aproximada de 14,56% em relação ao mesmo mês do ano passado. Na comparação com julho de 2002, a queda é de 47%.

Já a tarifa aérea média (valor médio pago pelo passageiro por uma viagem aérea em território brasileiro) foi de R$ 271,37 em junho de 2011. Apesar de apresentar um pequeno aumento de 1,97% em relação a junho de 2010, em relação a junho de 2002, caiu 33,40%.

De acordo com a Anac, os valores são calculados com base nos dados das tarifas comercializadas pelas empresas aéreas, mensalmente registradas na Anac, e atualizados pelo IPCA, principal índice de preços do país.

“São considerados os dados dos bilhetes de passagem do transporte aéreo doméstico regular de passageiros, comercializados junto ao público em geral, independentemente de escalas ou conexões”, informa.

São desconsiderados os bilhetes oferecidos gratuitamente, decorrentes de programas de fidelização (milhas), vinculados a pacotes turísticos ou a tarifas corporativas, tarifas diferenciadas oferecidas a empregados e tarifas diferenciadas de crianças.

Com a Folha.com

Sobre o editor

Willames Costa
Wíllames Costa
Editor

Instagram

Parceiros do blog