Primeira UPA de Juazeiro em fase final de construção

A construção da primeira Unidade de ProntoAtendimento 24 horas (UPA) de Juazeiro continua em ritmo acelerado. Muitos operários já adiantam a obra prevista para ser finalizada no final de dezembro, executada numa parceria da Prefeitura e Ministério da Saúde. Segundo o encarregado da obra, José Pedro Senna, o trabalho está adiantado, com 80% das obras concluídas. 

“Todas as paredes já foram levantadas e rebocadas. O telhado também já foi colocado em toda a estrutura do prédio. Estamos em fase de conclusão da colocação da cerâmica e do forro e, no inicio de dezembro começamos a pintura e vamos realizar os ajustes finais”, afirmou Senna.

Ainda de acordo com o encarregado da obra, o sistema hidráulico e de esgoto já foi finalizado e o sistema elétrico está em andamento, além da colocação das guarnições das portas e peitorios das janelas de alumínio. Também está previsto para iniciar neste mês, os serviços externos de urbanização e asfalto ao redor da unidade.

De segunda a quinta-feira, das 7 às 12h e das 13h às 17h e na sexta-feira, das 7h às 12h e das 13h às 16h, cerca de 32 operários trabalham para entregar o mais rápido possível o novo modelo de atendimento na saúde, que pretende desafogar as filas nos hospitais e levar mais qualidade de vida e conforto para a população.

A UPA será mais um avanço que vai reestruturar a Rede Municipal da Saúde, reorganizando a rede de emergência e urgência do município. A unidade funcionará interligada com os hospitais, Unidades de Saúde da Família (USF) e SAMU.

“Quando inaugurada, a unidade solucionará os casos graves – de média complexidade – atendidos atualmente pelas emergências hospitalares, diminuindo assim a superlotação nos hospitais e agilizando a prestação dos serviços. De 80% a 90% dos casos que chegam às unidades hospitalares não são considerados emergência e metade das urgências não precisam de internamento. Estes casos são tão importantes quanto os mais graves, mas poderão ser atendidos na UPA 24 horas”, enfatiza o gestor da pasta Ubiratan Pedrosa.

A UPA vai funcionar às margens da BR 407, ao lado do 3º BPM, no bairro Castelo Branco. A unidade prestará atendimentos como procedimentos de pequenas cirurgias, nebulização, observação e medicação. Estão sendo investidos em obras R$ 1,180 milhão e R$ 820 mil em equipamentos.

Com Ascom/SESAU/PMJ

Sobre o editor

Willames Costa
Wíllames Costa
Editor

Instagram

Parceiros do blog