Ronaldo não vê influência do Corinthians na cúpula do futebol

Uma semana após a CBF nomear o presidente corintiano Andres Sanchez para o cargo de diretor de seleções da entidade, o ex-jogador Ronaldo foi anunciado como novo membro do comitê organizador da Copa de 2014. Assim como Mano Menezes, técnico da seleção principal, o Fenômeno teve como último clube o Corinthians. Apesar disso, ele minimizou as situações durante entrevista coletiva, no Rio.

Antonio Scorza/France Presse
Ronaldo durante entrevista no Rio
Ronaldo durante entrevista no Rio

“Quando vocês querem eu sou flamenguista, depois sou corintiano. Não tem nada a ver”, respondeu, acrescentando que a sua entrada na organização do Mundial não alterará a influência que já possuía tanto com Mano quanto Andres.

O cartola, aliás, que ainda não se desligou do clube do Parque São Jorge, já declarou recentemente que Ronaldo ainda tem contrato com a equipe.

Ronaldo participou, entre outras negociações, da contratação do atacante Adriano pelo Corinthians, no primeiro semestre da temporada, e segundo o presidente do Santos, o Fenômeno tentou levar Neymar para o Real Madrid.

As novidades envolvendo ele e Andres acontecem na reta final do Campeonato Brasileiro, momento em que o Corinthians é o favorito na disputa contra o Vasco.

Alexandre Rezende-22.nov.11/Folhapress
Andres (à dir.) conversa com Mano e Teixeira em jantar para Galvão Bueno; clique na foto e veja galeria
Andres (à dir.) conversa com Mano e Teixeira em jantar para Galvão Bueno; clique na foto e veja galeria

Com a Folha.com

Sobre o editor

Willames Costa
Wíllames Costa
Editor

Instagram

Parceiros do blog