Senadores governistas manifestam solidariedade a Lula

Senadores governistas fizeram discursos nesta segunda-feira manifestando apoio ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva que começou a tratar um tumor na laringe.

Nas falas, os parlamentares destacaram a disposição que o ex-presidente sempre teve em vencer barreiras da vida política e desejaram pronto restabelecimento.

Resultados no tratamento poderão ser notados em 40 dias
Dimenstein: O câncer de Lula me envergonhou
Tratamento de Lula deve durar 4 meses, diz médico
Ex-presidente Lula está com tumor na laringe, diz hospital
Lula é um exemplo e vai vencer doença, diz Dilma
Doença de Lula repercute na imprensa internacional
Políticos brasileiros lamentam doença do ex-presidente Lula
Leitor diz que Brasil está torcendo pela saúde de Lula

O senador Walter Pinheiro (PT-BA) lembrou ações de Lula na Presidência e destacou o empenho na área social. Ele disse que aguarda com ansiedade a recuperação do ex-presidente.

“Essa é uma notícia que recebemos de forma apreensiva, mas depositamos muita confiança na recuperação.”

Ex-ministro de Lula, o senador Alfredo Nascimento (PR-AM), que deixou o governo Dilma após denúncias de corrupção, disse que o ex-presidente precisa se recuperar porque tem um papel social importante para o país.

“Em minhas orações estou pedindo a Deus que ele se recupere rapidamente porque o povo brasileiro, o nosso país, precisa do presidente Lula recuperado.”

O senador Jorge Viana (PT-AC) lembrou a infância pobre do ex-presidente e disse que tem confiança de que ele vai superar esse desafio. Ele disse que Lula mesmo em um momento difícil “deu uma lição” ao Brasil ao pedir transparência total sobre o seu tratamento.

“Ficamos chocados, mas confiantes porque sabemos que o presidente Lula é uma pessoa especial e sei que imediatamente a reza dos brasileiros de todos os cantos, essa corrente de fé e confiança, vai ajudar o presidente Lula.”

Para o senador Paulo Paim (PT-RS), há uma corrente positiva suprapartidária em torno da cura de Lula.

“A nação torce por ele, o Congresso, tenho certeza, torce para que ele saia bem e volte ao convívio de todos nós, fazendo política da forma que ele sabe fazer como ninguém”, disse.

Casildo Maldaner (PMDB-SC) disse que o presidente tem que ser forte para vencer o câncer.

“Como ele não esperava, deve ter passado por momentos duros. Ele ainda festejou os 66 anos na semana passada. Ele tem que se preparar e reunir energias para vencer mais essa batalha.”

Com a Folha.com

Sobre o editor

Willames Costa
Wíllames Costa
Editor

Instagram

Parceiros do blog