Times se mobilizam e fretam avião para os jogadores da seleção

Os clubes brasileiros que têm jogadores na seleção se mobilizaram e fretaram um avião para levar seus atletas de volta para o Brasil o mais rápido possível.

A seleção enfrenta o México nesta terça-feira às 22h30 (de Brasília) em Torreón, cidade no norte do país. Imediatamente após o jogo, parte um avião para o Brasil.

Jefferson (Botafogo), Dedé (Vasco), Ronaldinho (Flamengo), Neymar (Santos), Fred (Fluminense), Ralf (Corinthians) e Réver (Atlético-MG) poderiam, em tese, defender seus clubes na rodada do meio da semana do Campeonato Brasileiro.

O voo dos jogadores brasileiros será feito num jatinho. Contando com uma parada para reabastecimento do avião, que deve ser feita em Manaus, a viagem deve durar cerca de 12 horas.

É improvável que Ralf, Ronaldinho e Jefferson, cujos times jogam na quarta-feira, consigam chegar em boas condições físicas para jogar no mesmo dia. Os casos de Neymar, Fred e Dedé são, em teoria, mais simples.

Lucas e Oscar, que defendem São Paulo e Inter, respectivamente, não vão pegar este voo fretado. Os dois times se enfrentam na quarta às 16h e não haveria chance de chegarem a tempo.

Os jogadores que atuam na Europa e a comissão técnica deixam Torreón em voos comerciais ao longo da quarta-feira.

JOGOS AFETADOS PELO AMISTOSO DA SELEÇÃO

QUARTA
São Paulo x Internacional (Arena Barueri, 16h)
Corinthians x Botafogo (Pacaembu, 21h50)
Flamengo x Palmeiras (Engenhão, 21h50)

QUINTA
Fluminense x Coritiba (Engenhão, 20h30)
Atlético-MG x Santos (Arena do Jacaré, 20h30)
Atlético-PR x Vasco (Arena da Baixada, 20h30)

Com a Folha.com

Sobre o editor

Willames Costa
Wíllames Costa
Editor

Instagram

Parceiros do blog