Willames Costa

Compromisso com a informação

Esporte

‘A volta tem que ser na Vila’, diz Muricy

SPFW 2012Após a derrota por 1 a 0 para o Vélez em Buenos Aires, na ida das quartas da Libertadores, o técnico do Santos, Muricy Ramalho, disse que prefere jogar a partida de volta na Vila Belmiro a atuar no Pacaembu, mesmo que o clube arrecade menos.

O segundo duelo entre os dois times está marcado para a próxima quinta-feira, mas ainda não tem um local definido.

Santos e Vélez

 Ver em tamanho maior »

Juan Mabromata/France Presse

AnteriorPróxima

O juiz paraguaio Carlos Amarilla conversa com os jogadores durante a partida no estádio José Amalfitani, em Buenos Aires Leia mais

“Eu acho que o Santos tem que deixar o fator econômico de lado. A volta tem que ser na Vila. É o melhor palco no momento”, afirmou. Ganso e Neymar seguiram o técnico e também pediram para jogar no estádio santista.

O vice-presidente do clube, Odílio Rodrigues, disse que a definição do local deve sair nesta sexta-feira.

Muricy também defendeu o atacante Neymar, que teve uma atuação discreta na partida na Argentina.

“O Neymar foi bem marcado, mas não joga sozinho. Eu tenho um conjunto”, falou.

Com a derrota desta quinta-feira, o Santos precisa vencer na volta por dois ou mais tentos de diferença. O Vélez joga por um empate para avançar às semifinais. Caso a equipe brasileira devolva o placar, a vaga será decidida nas penalidades.

Juan Mabromata – 17.mai.12/France Presse
Muricy Ramalho (dir.) orienta jogadores do Santos durante partida contra o Vélez
Muricy Ramalho (dir.) orienta jogadores do Santos durante partida contra o Vélez

Fonte: Da Folha.com

LEAVE A RESPONSE

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *