Willames Costa

Compromisso com a informação

Economia

Bolsas europeias avançam após acordo de Merkel e Sarkozy

O principal índice das ações europeias avançou ao maior nível em cinco semanas nesta segunda-feira, após o presidente da França, Nicolas Sarkozy, e a chanceler da Alemanha, Angela Merkel, concordarem em uma série de medidas para ajudar a resolver a crise do euro.

O índice FTSEurofirst 300 avançou 0,93%, para 994 pontos, maior patamar de fechamento desde 31 de outubro após a alta de 8,5% acumulada na semana passada.

As ações dos bancos subiram com força, com o índice STOXX Europe 600 Banking Index em alta de 2,53%. O índice, porém, ainda tem queda de quase 30% no ano, com muitos bancos sofrendo baixas contábeis por causa da crise do euro.

“Houve alguma confiança com o comunicado (dos líderes europeus). Eles estão falando em uma mudança do tratado até março. Eles estão caminhando na direção correta. E nós vimos alguma cobertura de posições vendidas”, disse o chefe de ações internacionais da Legal & General, Ian King, que gerencia 559 bilhões de dólares em ativos.

Em Londres, o índice Financial Times fechou em alta de 0,28%, a 5.567 pontos. Em Frankfurt, o índice DAX avançou 0,42%, para 6.106 pontos. Em Paris, o índice CAC-40 subiu 1,15%, para 3.201 pontos. Em Milão, o índice Ftse/Mib encerrou em alta de 2,91%, a 15.926 pontos. Em Madri, o índice Ibex-35 registrou ganho de 1,72%, para 8.705 pontos. Em Lisboa, o índice PSI20 teve valorização de 1,83%, para 5.683 pontos.

DA REUTERS

LEAVE A RESPONSE

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *