Willames Costa

Compromisso com a informação

Economia

Bovespa fecha em queda apesar de novo pacote de estímulo

As medidas de incentivo à indústria brasileira não foram bastante para levantar a Bovespa, que tombou nesta terça-feira, em meio a preocupações com a economia da Espanha.

O Ibovespa recuou 1,43%, a 64.284 pontos. O giro financeiro do pregão foi de R$ 6,35 bilhões.

Em Nova York, o índice Dow Jones caiu 0,49%, enquanto o Standard & Poor’s 500 cedeu 0,4 por cento.

Na Europa, um documento que detalha o orçamento da Espanha indicou que a dívida pública do país vai atingir 79,8% do PIB em 2012, acima dos 68,5% esperados em 2011.

O pessimismo com a notícia ofuscou o anúncio, no Brasil, de um pacote de estímulo à indústria nacional incluindo desoneração da folha de pagamento e postergação do recolhimento do PIS e do Cofins. A renúncia fiscal chega perto de R$ 10 bilhões em 12 meses.

“Todas as medidas anunciadas pelo governo já vinham sendo antecipadas pela mídia, então foi só uma confirmação, não teve surpresas. O mercado caiu mais pela OGX e Petrobras, que pesaram”, afirmou o operador Rafael Dornaus, da Hencorp Commcor.

A OGX caiu 5,59%, a R$ 14,35. A preferencial da Petrobras recuou 2,93%.

Ações ligadas a metais também pesaram no índice. A preferencial da Vale teve baixa de 1,67%, a R$ 41,84.

A ação ordinária da Usiminas perdeu 6,77%, a R$ 18,74, após a Comissão de Valores Mobiliários decidir que não há necessidade de oferta pública de aquisição (OPA) por alienação de controle da siderúrgica.

Ainda, PDG Realty cedeu 3,56% em meio a temores quanto aos resultados do quarto trimestre, que devem ser divulgados nesta noite.

DA REUTERS

LEAVE A RESPONSE

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *