Categorias
Esporte

Diretoria do São Paulo se divide entre Muricy e Felipão

Depois de anunciar a dispensa do técnico Adilson Batista, a diretoria do São Paulo se divide para definir a contratação de um novo treinador: uma parte defende a manutenção de Milton Cruz como técnico até o fim do ano. E então uma investida para tentar trazer Muricy Ramalho, hoje no Santos e ídolo dos torcedores são-paulinos. Uma outra parte quer que o clube tente já contratar Felipão, descontente no Palmeiras.

A informação está na coluna de Mônica Bergamo, publicada na edição desta terça-feira da Folha.

O presidente do São Paulo, Juvenal Juvêncio, fez ressalvas a Felipão nas últimas semanas, quando o assunto começou a ser discutido no clube. “Ele manda demais”, disse ele a interlocutores. Juvêncio gosta de interferir no dia a dia do time.

Outro ponto que pesa contra a escolha de Felipão é o salário. Caso aceite a transferência para o Morumbi, o treinador teria que se contentar com a metade do salário que ganha no Palmeiras, de R$ 700 mil mensais.

Juca Varella-7.out.11/Folhapress
O técnico Luiz Felipe Scolari empurra barreira móvel no treino do Palmeiras
O técnico Luiz Felipe Scolari empurra barreira móvel no CT do Palmeiras

Com a Folha.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *