Willames Costa

Compromisso com a informação

Bahia Destaque

Estádio Adauto Moraes é entregue à população após passar por uma das maiores reformas da sua história

A reabertura do Estádio Adauto Moraes, que aconteceu no último sábado (14), foi marcada pelo resgate da história do futebol de Juazeiro, pela emoção dos homenageados com a Calçada dos Craques, e pela elevação da autoestima do torcedor, que agora conta com uma praça esportiva digna. Após mais de 10 anos sem uma intervenção séria, o estádio acaba de passar por uma das maiores reformas da sua história, superando as exigências da Federação Baiana de Futebol. A reabertura contou com as presenças dos deputados Roberto Carlos, estadual, Daniel Almeida, federal, o sub-secretário de Relações Institucionais do Estado, Pedro Alcântara, vereadores e a sociedade.

O “Adautão”, como é carinhosamente chamado, aliou o peso do passado, com a modernidade do presente para receber grandes eventos esportivos, como o Campeonato Baiano que começa nesta semana, com dois times da casa disputando a série A, o Juazeiro Social Clube e a Desportiva Juazeirense. “Esse é um momento de extrema emoção. Hoje o que se viu foi a festa do esporte. Estamos revivendo por um dia os grandes momentos e nomes do futebol da cidade. Essa história, mais do que nunca, estará impressa nesse estádio com a Calçada dos Craques que reconhece a importância dos grandes atletas que por aqui passaram”, comentou na ocasião o Secretário de Educação e Esportes, Clériston Andrade.

João Batista Nunes de Oliveira, ou simplesmente Nunes, foi o grande nome da festa de reinuguração. O ex-futebolista, que começou sua história nos gramados do “Adautão”, animou a torcida, fez muita gente ir vestida com a camisa do flamengo e bateu bola. “Estou feliz por esse reconhecimento, pois faço parte dessa história. Daqui fui para o mundo e obtive grandes realizações. Então, voltar agora com esse estádio todo reformado e ainda deixar minha marca é motivo de orgulho”, afirmou.

Também deixaram a representação dos pés no estádio os ex-atletas Padeirinho, que participou da inauguração do Estádio, em abril de 1940; Caboclinho, craque do futebol juazeirense; Foguinho e Mário de Souza Moraes, filhos de Adauto Moraes; e Raimundo Nonato (Bobô). “Sinto-me honrado com esse gesto, e essa é uma alegria dupla. Primeiro por estar aqui com grandes nomes do esporte, e depois por ter podido ajudar nessa conquista junto ao governo do estado”, revelou o superintendente da SUDESB. Outro ex-jogador que demonstrou entusiasmo foi Cabloquinho, “é um prazer fazer parte desse momento. O torcedor está feliz pelo novo estádio e Juazeiro está voltando aos bons tempos”.

Segundo o prefeito Isaac Carvalho o município vive um momento ímpar para o esporte. “Acho que a reforma do estádio é apenas uma representação física do que tem sido feito. Temos buscado investir no setor, e no ano passado, por exemplo, os campeonatos interdistrital e interbairros foram destaques no esporte amador. Isso sem falar das aquisições de quadras poliesportivas e outros investimentos. O nosso objetivo é esse: fortalecer a prática do desporto e criar novas oportunidades”, relatou. Após o ato solene, foram realizadas duas partidas: Alto do Cruzeiro versus Itamotinga, campeões do Interbairros e Distrital 2011, respectivamente, e a equipe máster do Veneza e Olaria repetiram a mesma rivalidade de outros tempos em campo, encerrando a festa de reabertura.

Por Anna Monteiro / Seduc

LEAVE A RESPONSE

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *