Willames Costa

Compromisso com a informação

Brasil

Lula planeja ir à despedida de Haddad no Planalto

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva planeja ir a Brasília amanhã para prestigiar a despedida de Fernando Haddad do Ministério da Educação.

Será a primeira vez que Lula volta ao Palácio do Planalto desde que deixou a Presidência, em 2011.

PT lança pré-candidatura de Haddad à Prefeitura de São Paulo
Lula comemora escolha de Haddad, diz petista
Haddad afaga Chalita e fala em negociar vice

Alan Marques 29.nov.2010/Folhapress
Lula e seu afilhado político em evento quando era presidente, em 2010
Lula e Haddad em evento quando era presidente, em 2010

Lula é o padrinho político de Haddad, que deixará a Esplanada para concorrer à Prefeitura de São Paulo e sua opinião foi decisiva na condução de Aloizio Mercadante, atual ministro de Ciência e Tecnologia, à pasta deixada por Haddad.

A decisão do partido pela escolha de Haddad para a capital paulista é uma vitória pessoal do ex-presidente Lula. Ele derrotou políticos tradicionais, como Marta Suplicy, para impor o aliado, inexperiente em eleições, sem uma consulta aos filiados.

Em novembro, após o PT cancelar prévias para escolha do candidato em São Paulo, Haddad agradeceu a escolha de seu nome, pediu ajuda à militância e saudou o apoio de Lula.

Ele atribuiu sua indicação ao padrinho, a quem jurou fidelidade. “Tenho de política um professor só. Minha escola de política foi Lula.”

O ministro repetiu o discurso do ex-presidente pela renovação no PT. “Se não renova, daqui a pouco a gente está de cabelo branco e não tem ninguém para pôr no lugar.”

Antes da escolha do partido, estavam no páreo, os senadores Eduardo e Marta Suplicy e os deputados Jilmar Tatto e Carlos Zarattini.

Com a Folha.com

LEAVE A RESPONSE

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *