Willames Costa

Compromisso com a informação

Mundo

México detém suposto autor de 75 assassinatos

Autoridades do Estado mexicano de Nuevo León apresentaram nesta segunda-feira à imprensa Enrique Aurelio Elizondo Flores, conhecido como “o árabe”, que confessou o assassinato de pelo menos 75 pessoas.

O porta-voz da Secretaria Estadual de Segurança, Jorge Domene Zambrano, e o procurador-geral de Justiça de Nuevo León, Adrián de la Garza Santos, informaram, em coletiva de imprensa, que a prisão dele ocorreu em 20 de janeiro no município de Salinas Victoria.

Efe
Conhecido como "o árabe", Enrique Aurelio Elizondo (c.) foi detido no México e confessou ter matado 75 pessoas
Conhecido como “o árabe”, Enrique Aurelio Elizondo (c.) foi detido no México e confessou ter matado 75 pessoas

“O árabe”, também conhecido como “O corvo”, “Quique” e “Quico”, de 36 anos, confessou ter participado de uma série de assassinatos cometidos entre os anos de 2010 e 2011.

Ele disse ter cometido os crimes por ter pensado que as vítimas faziam parte de um grupo organizado rival ao dele, publicou o portal de notícias mexicano “Milenio”.

DA ANSA, NA CIDADE DO MÉXICO

LEAVE A RESPONSE

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *