Willames Costa

Compromisso com a informação

Mundo

Onda de frio deixou 110 mortos na Rússia em seis semanas

Pelo menos 110 pessoas adultas morreram na Rússia desde o início de 2012 por causa da onda de frio intenso que atinge o Velho Continente. Desse total, somente 46 morreram neste mês, informou nesta quarta-feira o ministério russo da Saúde.

O porta-voz do ministério afirmou que eventuais vítimas infantis não foram computadas por total falta de estatísticas.

Radu Sigheti/Reuters
Garoto caminha por rua coberta de neve em Bucareste, na Romênia
Garoto caminha por rua coberta de neve em Bucareste, na Romênia

A temperatura caiu a 24 graus abaixo de zero na madrugada desta quarta em Moscou e se aproximava dos 34 graus negativos em Iakutie, na Sibéria oriental.

Em toda a região Krasnodar, junto ao Mar Negro, as escolas permaneceram fechadas por causa do intenso frio.

Outras 28 mil pessoas estavam sem eletricidade na cidade portuária de Novorossiisk, após pancadas de vento que deixaram 40 feridos e cortaram linhas de abastecimento, conforme informe da agência Interfax, baseada em uma autoridade local.

“As temperaturas vão permanecer baixas nas regiões do centro da Rússia, e o frio vai se acentuar no final de semana”, informou o serviço de meteorologia.

DA FRANCE PRESSE, EM MOSCOU

LEAVE A RESPONSE

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *