Willames Costa

Compromisso com a informação

Pernambuco

Operação Nero II combate a produção de drogas no Polígono da Maconha

c13df071b5f2841f5796cfd4a93d8c18.jpg

Fotos: Divulgação/Polícia Federal

A Operação Nero II, realizada desde o último dia 3, erradicou 337 mil pés de maconha no Sertão pernambucano, em área conhecida como Polígono da Maconha. Três homens foram presos na ação das polícias Federal, Rodoviária Federal e Militar.

Os municípios onde a produção da droga foi queimada foram Santa Maria a Boa Vista, Orocó, Santa Cruz, Santa Filomena, Cabrobó, Belém de São Francisco, Salgueiro e Carnaubeira da Penha. Segundo a PF, as plantações destruídas equivaleriam a 100 toneladas da droga pronta para o consumo e fariam circular R$ 200 milhoes ilegalmente.

Para o delegado regional de Investigação e Combate ao Crime Organizado, Nilson Antunes da Silva, operações como essa têm colaborado com a diminuição do tráfico no Polígono da Maconha, como é conhecida a área do Sertão.


Três homens foram presos com armas e munição

Os presos, que não tiveram seus nomes divulgados, foram pegos quando a polícia sobrevoava uma plantação em Cabrobó. Segundo a PF, quatro homens armados, ao avistarem a aeronave, fugiram pela caatinga. Três deles foram pegos com armas e drogas. O quarto homem continua foragido.


Um dos presos estava com dois filhotes de papagaio. Ele vai responder por crime ambiental

D.J.L., 21, V.S.M.S, 37, e T.A.G.d.S, 23, foram encaminhados ao Presídio Regional em Salgueiro/PE onde estão à disposição da Justiça. Todos foram indiciados por tráfico de drogas e associação para o tráfico.

Por causa do revólver e da pistola com numeração raspada, D.J.L. e V.S.M.S respondem também por porte ilegal de arma de fogo. Com D.J.L. foram encontrados ainda dois filhotes de papagaio, que o fez ser indiciado ainda por crime ambiental.

Fonte: Do NE10

LEAVE A RESPONSE

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *