Willames Costa

Compromisso com a informação

Esporte

Palmeiras encara Guarani para adiar clássico logo nas quartas

SPFW 2012Luiz Felipe Scolari disse, após a derrota para o Mirassol, há oito dias, que terminar a primeira fase do Campeonato Paulista em terceiro ou quarto não muda nada.

O treinador admitiu depois que, a partir da quinta posição, o cenário fica complicado, e não apenas pela perda do mando de campo no jogo único das quartas de final.

Fracassos contra o Guarani, hoje às 16h em Campinas, e ante o Comercial, no domingo que vem no Pacaembu, podem fazer com que o Palmeiras encontre um dos outros grandes já na próxima etapa.

Uma vitória do Guarani coloca o time do interior à frente na tabela, 36 contra 35 pontos, jogando o time de Scolari para, no mínimo, a quinta posição a uma rodada do fim.

“Não podemos perder de jeito nenhum. Se o Guarani vencer, passa a gente, e é péssimo”, disse o atacante Maikon Leite ao site do clube.

Alexandre Rezende – 9.fev.12/Folhapress
Luiz Felipe Scolari, em palestra no Palácio dos Bandeirantes com o governador Alckmin e prefeitos
Luiz Felipe Scolari, em palestra no Palácio dos Bandeirantes com o governador Alckmin e prefeitos

Corinthians, São Paulo e Santos se encaminham para terminar nas três primeiras posições. Em quinto, o Palmeiras provavelmente enfrentaria um time do interior, Mogi Mirim ou Guarani, com a desvantagem de atuar fora.

Já em sexto, atrás dessas duas equipes, seria inevitável o clássico antecipado.

Desde que o torneio adotou a fórmula atual (primeiros colocados se classificam para duelos eliminatórios), o Palmeiras nunca acabou líder da primeira fase.

Em 2007 e 2010 não conseguiu se classificar (passavam os quatro primeiros, e não os oito). Em 2009, foi o líder, acabou eliminado pelo Santos na semifinal em dois jogos. No ano passado, conseguiu um segundo lugar.

Os grandes dominaram as primeiras posições e passaram pelas equipes do interior nas quartas. Na semifinal, o Palmeiras perdeu para o Corinthians nos pênaltis.
Em 2008, quando foi campeão, o Guaratinguetá terminou a etapa na liderança.

Scolari fechou para a imprensa os dois treinos realizados antes do jogo com o Guarani. A dúvida é se manterá o esquema com um atacante que usou na vitória de quarta sobre o Horizonte.

O placar de 3 a 1 eliminou a segunda partida pela segunda fase da Copa do Brasil. E foi alcançado com Maikon Leite em campo. A dúvida é entre o atacante e o volante João Vítor, que foi o titular em Horizonte (CE).

GERLEY DEVE ENTRAR NA VAGA DE JUNINHO

O único palmeirense suspenso é o lateral esquerdo Juninho. Nesta posição, Luiz Felipe Scolari não deve ousar, e Gerley, substituto natural, deve ser escalado. Wesley, que já fez três partidas desde que foi regularizado, admitiu que ainda precisa de algum tempo para poder adquirir um bom ritmo de jogo. “Fiquei três meses sem jogar, e ritmo de jogo só vou pegar atuando. Senti que evolui um pouco na parte técnica e tática.”

GUARANI
Juliano; Oziel, Neto, Domingos e Bruno Recife; W. Monteiro, Fábio Bahia, Danilo Sacramento e Fumagalli; Fabinho e Bruno Mendes T.: Osvaldo Alvarez
PALMEIRAS
Deola; Cicinho, Leandro Amaro, Henrique e Gerley; Márcio Araújo, Marcos Assunção, Wesley e Daniel Carvalho; Maikon Leite (João Vítor) e Barcos T.: Luiz Felipe Scolari
Estádio: Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas Horário: 16h Árbitro: Rodrigo G. Ferreira do Amaral

NA TV
Guarani x Palmeiras
16h Band e Globo (para SP)

Fonte: Da Folha.com

LEAVE A RESPONSE

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *