Willames Costa

Compromisso com a informação

Bahia Juazeiro

Professores da Rede Municipal de Ensino trocarão quadro branco por mídia interativa

Alguns professores da Rede Municipal de Ensino de Juazeiro não precisarão mais utilizar o quadro branco para ministrar aula. O instrumento estático será substituído pelo projetor multimídia interativo da Epson, que reúne vários recursos sempre desejados por profissionais da área de educação. Com o objetivo de oferecer mais uma ferramenta pedagógica ao docente, a Secretaria de Educação e Esportes de Juazeiro já adquiriu 25 equipamentos desse, que irão beneficiar, inicialmente, a Escola de Tempo Integral e o Núcleo de Tecnologia Municipal.

De acordo com o representante da empresa fabricante, André Albuquerque, para entender os benefícios é preciso conhecer primeiro o equipamento. “O Powerlite além de projetar à ultra curta distância de projeção, também possui um sistema exclusivo de interatividade que permite total controle da imagem projetada a partir de uma caneta eletrônica infra-vermelha. É como se o mouse do computador estivesse nas suas mãos e você pudesse interagir com sua apresentação a partir da imagem projetada”, explicou o consultor na tarde dessa segunda-feira (07), durante uma formação para os profissionais que utilizarão o equipamento.

Com esse novo conceito em projeção, não é mais necessário um quadro eletrônico na parede, a caneta eletrônica funciona em qualquer superfície de projeção (quadros brancos, parede lisa, quadros negros), interagindo com a imagem. Além disso, o projetor trabalha com qualquer software, seja ele corporativo, gráfico ou educacional com mais eficiência e dinamismo. “Esse é um grande avanço tecnológico que traz todos os recursos necessários (de áudio, vídeo e interatividade) para uma aula dinâmica e atraente. O produto é instalado na parede e oferece um grande conforto visual”, complementou o representante.

A professora Cleia Barreto revelou estar fascinada com a nova ferramenta. “Hoje em dia é difícil competir com todos os atrativos que o mundo virtual oferece à criança. Dar aula em um quadro branco já está ficando obsoleto e pouco interessante para essa geração, e por isso o educador precisa estar constantemente se reinventando. Sem dúvida, o projetor multimídia diminuirá o nosso desgaste, pois por si só já atrairá a atenção do aluno, contribuindo dessa forma com a aprendizagem. Tenho certeza que diminuirá a indisciplina, melhorará a saúde do professor e fará com que o aluno desperte para o mundo do conhecimento”.

Para o secretário da pasta, Clériston Andrade, esse é um avanço sem precedentes. “Com esse equipamento o docente tem um leque de possibilidades nas mãos. Estamos começando primeiro pela Escola de Tempo Integral e Núcleo de Tecnologia, mas pretendemos expandir esse número. Sem dúvida esse instrumento pedagógico fará a diferença na Rede Municipal”, justificou. A gestora Ileane Damasceno Imoto, agradeceu, “estamos lisonjeados de sermos os pioneiros, tanto no projeto de educação em tempo integral, como na utilização do projetor multimídia. Esses avanços já marcam a história da educação de Juazeiro de uma forma extremamente positiva. Há um tempo isso tudo era utopia, e hoje é realidade”. Nesta segunda-feira foi realizada a formação para uso do equipamento e em breve os projetores multimídia estarão disponíveis na Rede.

Por Anna Monteiro/Seduc

LEAVE A RESPONSE

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *