Categorias
Nacional Política

Ramagem já inicia processo para assumir comando da Polícia Federal

Escolhido pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido), Alexandre Ramagem já deu início ao processo de transição para assumir o comando da Polícia Federal. Segundo relatos, o delegado fez nesta segunda-feira (27) contato com integrantes da ainda atual diretoria. Uma reunião chegou a ser pré-agendada.

Como mostrou a “Folha de S.Paulo”, no fim de semana, auxiliares do presidente fizeram consultas informais a ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) sobre o risco de a indicação ser barrada.

A expectativa da PF é a de que a nomeação seja oficializada nas próximas horas.
Maurício Valeixo, ex-diretor-geral, deve assumir uma adidância fora do país. O mais provável é que seja em Portugal. Outros diretores também devem ser convidados.

A indicação é feita pelo comando do órgão e o delegado pode ou não aceitar.

Nas últimas trocas da PF, os chefes também foram colocados em outras funções, fora da gestão. Leandro Daiello se aposentou, Fernando Segovia foi para a Itália e Rogério Galloro foi para o TSE (Tribunal Superior Eleitoral).

Ocupantes de outros cargos de diretoria também assumiram cargos fora do país nas administrações passadas.

Ramagem é próximo da família Bolsonaro. Ele conheceu o presidente e os filhos em 2018, durante a eleição. Depois, assumiu a chefia da Abin (Agência Brasileira de Inteligência).

Fonte: Folhapress

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *