Willames Costa

Compromisso com a informação

Esporte

Santos viaja por dinheiro e mídia


SPFW 2012
O Santos começa hoje, contra o Ituano, uma caravana pelo Estado de São Paulo. Mesmo sendo o mandante, jogará em São Caetano do Sul, já que o gramado Vila Belmiro está em reforma.

O time só deve jogar novamente em casa contra o Corinthians na distante 12ª rodada do Campeonato Paulista, no início de março.

Até lá, além de São Caetano, foram escolhidas Barueri e Presidente Prudente, onde enfrentará o Palmeiras, para suas próximas partidas –há negociações para que São Bernardo do Campo também receba a equipe.

Ivan Storti/Divulgação/Santos F.C.
Breitner e Ibson treinam pelo Santos
Breitner e Ibson treinam pelo Santos

O Pacaembu, considerado a segunda casa pelo próprio Santos, arena onde o time foi campeão da Libertadores, ano passado, foi deixado de lado por dois motivos, explica o presidente do clube, Luis Alvaro de Oliveira Ribeiro: marketing e dinheiro.

“A ideia é diversificar. O Santos não está jogando com o time principal, e nós pensamos que é uma boa oportunidade de espalhar a marca do Santos, atendendo aos torcedores do Estado”, afirmou o mandatário.

Mas atender aos torcedores que moram longe de Santos e da capital não é a única nem a principal razão para não jogar no Pacaembu.

Nas três viagens confirmadas, o Santos não terá gastos para locação dos estádios, revelou o cartola. E o aluguel do Pacaembu gira em torno de R$ 50 mil por partida.

Mas há pressa para que o gramado da Vila seja logo reformado. Ano passado, quando atuou em seu estádio, o Santos conquistou 66,6% dos pontos que disputou. No desempenho geral, incluindo todas as partidas, o proveito santista foi de 56,7%.

É a segunda vez em cerca de um ano que o clube refaz o gramado de seu estádio.

A primeira reforma no final de 2010 –quando o clube também foi obrigado a mandar jogos do Paulista longe de Santos. O serviço, porém, não foi satisfatório e, no fim da temporada passada, a grama da Vila Belmiro foi muito criticada até pela comissão técnica do clube. Segundo o Santos, essa nova reforma não vai gerar custos aos cofres santistas.

“Voltaremos a jogar em casa provavelmente no clássico contra o Corinthians”, declarou Luis Alvaro.

Depois de enfrentar o Ituano, o Santos jogará contra o Oeste na Arena Barueri. Hoje, contra o Ituano, a maior novidade é a volta de Muricy Ramalho ao banco.

Já o time titular continua sem previsão de retorno. O mais provável é que Neymar e companhia voltem a jogar na quinta rodada, no dia 5 de fevereiro, justamente no clássico contra o Palmeiras.

NA TV
Santos x Ituano
21h Sportv

Com a Folha.com

LEAVE A RESPONSE

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *