Willames Costa

Compromisso com a informação

Mundo

Sendero Luminoso sequestra ao menos 10 trabalhadores no Peru

Rebeldes do Sendero Luminoso tomaram entre 10 e 20 trabalhadores como reféns próximo aos campos de gás natural do Peru nesta segunda-feira (9), para tentar impedir uma operação do Exército peruano para capturá-los.

A informação é de fontes militares e da companhia de gás.

Uma fonte disse ainda que os funcionários estavam na região de Kepashiato, no vale dos rios Apurimac e Ene, e trabalhavam para a empresa Transportadora de Gas del Perú (TgP).

A empresa tem participação da argentina Pluspetrol, da norte-americana Hunt Oil e da sul-coreana SK, entre outras.

Este é o segundo grande sequestro nesta região desde que rebeldes raptaram cerca de 70 trabalhadores da empresa argentina Techint, em 2003.

Nesta área operam remanescentes da guerrilha do Sendero Luminoso, aliados a narcotraficantes.

Fonte: Do G1, com agências internacionais

LEAVE A RESPONSE

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *