Willames Costa

Compromisso com a informação

Brasil

Sobe para 203 o número de cidades em emergência em MG

Subiu para 203 o número de cidades em situação de emergência devido às chuvas em Minas Gerais, de acordo com o último informe da Defesa Civil do Estado.

Cidades em calamidade têm prazo para pagamento de tributo adiado
Leia mais notícias sobre as chuvas pelo país

As últimas cidades a entrarem em emergência foram Abadia dos Dourados, Santa Efigênia de Minas, Palma, Francisco Dumont, Iguatama, Luislândia e Antônio Dias.

Lalo de Almeida – 6.jan.12/Folhapress
Governador Valadares (MG) que ficou alagado no início de janeiro devido ao transbordamento do rio Doce
Governador Valadares (MG) que ficou alagado no início de janeiro devido ao transbordamento do rio Doce

O número de mortos chega a 18. A última morte foi confirmada foi Rita Vieira de Souza, 74. A mulher estava desaparecida desde o dia 30 de dezembro, quando foi levada por uma enxurrada.

Seu corpo foi localizado no sábado (21), no rio Santo Antônio, em Ferros (MG), mas foi identificado apenas na segunda-feira (23).

Um homem, que foi arrastado pela correnteza de um rio em União de Minas, continua desaparecido.

As chuvas já fizeram com que mais de 76 mil pessoas deixassem suas casas desde outubro, sendo que 69.239 estão desalojados (estão em casas de amigos e parentes) e 7.588 estão desabrigadas, ou seja, dependem de abrigos públicos.

Até agora, 19.734 casas foram danificadas e 1.345 foram destruídas pela chuva no Estado. Há também 665 pontes danificadas e outras 468 destruídas.

Com a Folha.com

LEAVE A RESPONSE

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *